eSocial: Veja as regras e mudanças para registro de admissão
{$inline_image}
Designed by @freepik / freepik / app esocial doméstico / gov.br / editado por jornal contábil

O Governo Federal tem feito mudanças nos sistemas utilizados para registro de informações de empresas e colaboradores, com o objetivo de facilitar o acesso à informação e diminuir a burocracia.

Mas essas alterações têm gerado muitas dúvidas, principalmente no que se refere ao registro da admissão no eSocial (Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas). 

Sabemos que a data de admissão do funcionário é o momento em que ele começa as atividades laborais na empresa contratante.

Então, se você também possui dúvidas sobre as regras que devem ser observadas para registrar a admissão de funcionários neste sistema, continue acompanhando este artigo e entenda mais sobre esse tema. 

eSocial

O sistema de escrituração foi criado em em 2014 para unificar todos os dados trabalhistas, tributários e previdenciários das empresas brasileiras.

Por isso, nele constam informações como o vínculo empregatício; a contribuição previdenciária; além da folha de pagamento dos trabalhadores, informações sobre aviso prévio, FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço), dentre outros assuntos de interesse das empresas e colaboradores. 

Desta forma, ao fazer a contratação, o empregador deve registrar no eSocial todos os dados do empregado.

O envio das informações dos empregados e estagiários está passando por mais mudanças, devido ao novo layout conhecido como eSocial Simplificado, que pretende substituir a anterior a partir deste ano. 

Esta é a principal novidade para 2021, que está sendo estabelecido pelo Governo Federal em parceria com empresas e entidades representativas de diversas categorias profissionais envolvidas no trabalho de simplificação da plataforma.

Assim, empresas e escritórios de contabilidade devem se organizar para atender ao novo cronograma de implantação do eSocial. 

Regras para admissão 

Antes dos registros de admissão serem feitos no eSocial, o empregador esperava que o funcionário entrasse em atividade para fazer o informe, porém, agora esse processo precisa ser realizado um dia antes do trabalhador se apresentar na empresa para começar suas atividades.

esocial

Caso contrário a empresa pode ser penalizada. 

Sendo assim, o registro do novo funcionário deve ser feito por meio do Evento S-2200, que é específico para “Cadastramento Inicial, Admissão, Ingresso de Trabalhador”.

Este evento não pode ser utilizado para estatutários e nem para trabalhadores sem vínculos. 

Mas antes, verifique se você possui todos os documentos necessários em mãos e fique atento às regras, para garantir que o registro seja feito de forma correta.

Mas se a empresa ainda não tiver os dados completos, poderá enviar o leiaute de admissão preliminar (S-2190).

Assim, o registro deve ser enviado até o dia imediatamente anterior ao dia do início da prestação de serviços para garantir o cadastro inicial do trabalhador junto ao eSocial

Para isso, acesse o portal do eSocial por meio do login do Gov.br, sendo necessário o cadastro prévio e atribuição do respectivo selo de confiabilidade no Portal Gov.br (será exigido o tipo de selo “Certificado Digital”). 

A empresa optante pelo Simples Nacional que tenha até um empregado, ou MEI (Microempreendedor Individual) poderá acessar o eSocial informando CNPJ, código de acesso e senha.

Assim, informe todos os dados para cadastrar o novo funcionário. Depois, siga para a opção “Agendados” para envio na aba “Central eSocial”.

Feito isso, clique em “enviar agora”.

Assim, a empresa deve acompanhar o processo e será notificada se houver algum erro, podendo realizar as devidas alterações posteriormente.

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Por Samara Arruda

O post eSocial: Veja as regras e mudanças para registro de admissão apareceu primeiro em Rede Jornal Contábil – Contabilidade, MEI , crédito, INSS, Receita Federal .


eSocial: Veja as regras e mudanças para registro de admissão