Seguro viagem: O que é e para que serve?

O seguro viagem consiste em um serviço que tem o intuito de oferecer um suporte ao viajante e auxiliá-lo a resolver eventuais problemas que podem surgir no passeio, além de ser altamente recomendado, ou até mesmo, obrigatório para determinados destinos. 

No geral, é uma excelente maneira de evitar dores de cabeça e fazer economias. 

Para que serve o seguro viagem?

Imprevistos podem acontecer a todo momento, por isso, nunca se sabe quando algo pode dar errado, no entanto, isso não quer dizer que é preciso se conformar e não aproveitar a viagem. 

Há pessoas que planejam a viagem dos sonhos por semanas, meses, e até anos, mas, quando o momento finalmente chega, surpresas aparecem. 

E é para isso que o seguro viagem serve, para garantir a segurança e tranquilidade dos viajantes enquanto estão longe de casa, principalmente ao saberem que, há casos que permitem assistências ou indenizações para amenizar os efeitos dos imprevistos. 

Importância em contratar um seguro viagem

Ao considerar os custos de um seguro viagem, um ponto importante a ser observado pode ser a economia.

Ainda que a princípio pareça ser mais barato não adquirir mais essa despesa, vale mencionar que, as indenizações e assistências oferecidas estão aptas a compensar o valor gasto. 

Por exemplo, há lugares em que o atendimento médico é bastante caro, como no caso dos Estados Unidos da América (EUA), onde uma diária de internação pode chegar a U$ 3.500,00.

Enquanto isso, um seguro viagem para este destino costuma custar em média, R$ 15 por dia, sem contar no ressarcimento que pode ser disponibilizado em caso de bagagens perdidas ou voos cancelados. 

extravio bagagem

Qual a diferença entre seguro viagem e assistência de viagem?

A assistência de viagem se refere a um formato de atendimento integrado ao seguro viagem, ou seja, corresponde à etapa de reembolso dos valores gastos, com base na previsão agregada ao plano contratado. 

Por exemplo, em caso de alguma emergência, o viajante paga normalmente pelo hospital, porém, estaria apto a solicitar posteriormente, um reembolso à seguradora. 

Já se tratando de assistência viagem, ao acionar a seguradora, o viajante será direcionado ao atendimento sem precisar ter nenhum gasto, além de receber um auxílio a fim de solucionar o problema. 

Ainda assim, podem surgir dúvidas quanto aos custos da assistência de viagem e, se é muito cara ou não. 

Neste sentido, em 2014, uma resolução a Superintendência de Seguros Privados (SUSEP), estabeleceu que, tanto a assistência de viagem quanto o seguro viagem foram unidos em um só serviço. 

Desta maneira, ao integrar a área de atendimento da assistência de viagem, é possível optar pelo auxílio e ter um atendimento normal com o reembolso. 

Como funciona o seguro viagem?

A partir do momento em que a viagem é iniciada, o seguro começa a valer e poderá ser acionado a qualquer momento de acordo com as condições contratadas. 

Por isso, basta seguir a viagem conforme planejado e sem preocupações, pois, caso aconteça algum imprevisto, basta entrar em contato com a seguradora. 

Lembrando que, o mesmo vale para viagens internacionais, uma vez que o atendimento está disponível em qualquer lugar do mundo e em português. 

Na sequência, todas as devidas providências serão tomadas no intuito de resolver o problema da melhor maneira possível, seja um contratempo com bagagem, um vôo cancelado, um acidente grave, ou qualquer outro empecilho. 

Por Laura Alvarenga 

.fb-background-color {
background: !important;
}
.fb_iframe_widget_fluid_desktop iframe {
width: 600px !important;
}

O post Seguro viagem: O que é e para que serve? apareceu primeiro em Rede Jornal Contábil – Contabilidade, MEI , crédito, INSS, Receita Federal .


Seguro viagem: O que é e para que serve?